Veterinário é autuado por manter macaco-prego ilegalmente em sua clínica - PORTAL ANGÉLICA - Seu Portal de Notícias

24º min
37º min


Veterinário é autuado por manter macaco-prego ilegalmente em sua clínica

Publicado em: 11/09/2019 às 07h20

- douradosnews

Policiais Militares Ambientais de Dourados foram acionados pelo CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) de Ponta Porã, na tarde desta terça-feira, dia 10 de setembro, em virtude de uma denúncia de que em uma clínica veterinária havia um animal da espécie macaco-prego ilegalmente. O veterinário, proprietário da clínica, informou que uma cliente paraguaia havia deixado o animal no local, porém, recusou-se a indicar a pessoa.

O macaco foi apreendido. A equipe da PMA confeccionou um auto de infração e arbitrou multa administrativa no valor de R$ 500,00 contra o veterinário, de 35 anos, residente em Ponta Porã. Ele responderá por crime ambiental. Se condenado, poderá pegar pena de seis meses a um ano de detenção. O bicho será encaminhado ao Cras (Centro de Reabilitação de Animais Silvestres), em Campo Grande.

O Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) de Ponta Porã interditou a clínica. O Conselho de Medicina Veterinária também será comunicado, haja vista que os médicos veterinários ao receberem animais silvestres ilegais para tratamento devem informar as autoridades sanitárias e ambientais, sob pena de receberem multas ambientais e sanitárias, responder por crime ambiental e ainda terem a clínica interditada.