Angélica: Polícia Civil encontra suposta arma utilizada no crime de latrocínio

| PLANTãO ANGéLICA


Canavial onde a arma foi encontrada (Foto: Divulgação)

A suposta arma utilizada no crime de latrocínio que resultou na morte de Zaqueu Batista Dalbo foi encontrada na manhã deste sábado (02) pela equipe da Polícia Civil de Angélica e Nova Andradina. 

Segundo informações ao Site Plantão Angélica, durante o longo trabalho de investigação, os policiais civis receberam uma informação de que a possível arma utilizada no crime estaria no canavial, próximo da onde o corpo da vítima foi localizado.

Entenda o caso

Zaqueu Batista Dalbo era morador de Londrina (PR), e foi morto por criminosos no golpe do falso frete. Seu corpo foi localizado neste sábado (11), em um canavial próximo da Usina AdecoAgro, em Angélica.

A vítima saiu de Londrina (PR), no dia 09/04, por volta das 04h00, para realizar um frete de Angélica a Londrina (PR), utilizando uma caminhonete GM/S-10, cor preta, com emplacamento da cidade onde reside. Já no dia seguinte, familiares visualizaram pelo rastreador e o veículo apontou uma localização em um sítio na cidade de Itaquiraí.

A partir desse momento, por volta das 13h50 do dia 10/04, Policiais Militares e Civis de Angélica iniciaram diligências e acionaram as polícias de Naviraí e Itaquiraí, que acabaram localizando a caminhonete. No local, quatro pessoas foram detidas, uma arma de fogo entre outros objetos.

O rastreador apontou que o veículo chegou em Angélica na quinta-feira e saiu por volta das 14h rumo a Itaquiraí.

Em Angélica, os policiais foram até ao endereço que o rastreador apontou, mas a residência estava fechada. Populares informaram que a caminhonete esteve no imóvel, mas saiu horas depois com móveis na carroceria e morador saiu junto com o motorista.

Já no dia 11/04, forças de segurança pública se mobilizaram o dia todo em busca da vítima, onde um dos suspeitos acabou levando a polícia até ao corpo. (com informações do Jornal da Nova)



PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE